Normas para elaboração de resumo

Normas para elaboração de resumos de Comunicação Oral 

Os resumos podem versar sobre trabalhos de pesquisa ou relatos de experiência profissional. Recomendamos que as normas descritas a seguir sejam observadas em todos os seus aspectos. Solicitamos atenção à ortografia tendo em vista a qualidade dos Anais do Congresso a serem publicados. Os resumos serão classificados em quatro eixos temáticos:

  1. Temas gerais em prevenção e promoção da saúde: Políticas públicas de promoção da saúde e prevenção; Desenvolvimento e/ou adaptações de estratégias, programas e sistemas em prevenção e promoção da saúde; Implementação e avaliação de estratégias, programas e sistemas; Experiências realizadas em prevenção e promoção da saúde em múltiplos contextos: família, escola, equipamentos sociais, local de trabalho, comunidade, prática clínica e Estado; Experiências de ensino-aprendizagem e educação permanente em prevenção e promoção da saúde.
  2. Participação comunitária: Intervenções baseadas na comunidade; Sistemas de prevenção comunitária; Participação social e saúde; Identidade social e pertencimento; Apego ao lugar / topofilia; Resiliência comunitária; Coesão comunitária; Saúde Comunitária; Movimentos sociais; Prontidão, capacidade e mobilização comunitárias; Democracia participativa; Pesquisa participativa baseada na comunidade.
  3. Ambientes sustentáveis: Mudanças climáticas e saúde; Educação ambiental; Agroecologia e empoderamento comunitário; Segurança alimentar e nutricional; Segurança hídrica e saneamento; Escolas e universidades promotoras da saúde; Cidades saudáveis.
  4. Justiça social: Equidade e saúde; Direitos humanos e saúde; Vulnerabilidade financeira e bem-estar financeiro; Interseccionalidades e saúde; Raça e saúde; Saúde dos povos tradicionais; Saúde e gênero; Saúde LGBTQI+; Imigração e saúde; Saúde no curso de vida.

Os resumos deverão ser escritos em língua portuguesa, inglesa ou espanhola e conter os seguintes elementos:

Título: deve conter até 18 palavras e ser escrito em caixa alta.

Autoria e vinculação institucional: devem ser informados os nomes completos dos autores, com as primeiras letras dos nomes e sobrenome em maiúscula. Indicar, entre parênteses, a instituição a que pertence. Caso seja vinculado a universidade, acrescentar o departamento, cidade e estado. Usar siglas somente para o estado. Cada autor deve ser separado do outro por ponto e vírgula. Os alunos de graduação devem ser identificados com um asterisco e os de pós-graduação com dois asteriscos após o nome.

– Texto principal: deve conter entre 250 e 350 palavras e incluir os subtítulos: Introdução (contextualização, aspectos teóricos e objetivos), Método (nas pesquisas) ou Desenvolvimento do Trabalho (nos relatos de experiência), Resultados e/ou Impactos (os resultados identificados na pesquisa ou os efeitos decorrentes da experiência profissional) e Considerações Finais (implicações da pesquisa ou do relato de experiência e pontos conclusivos). O resumo deve ser escrito em parágrafo único e não deve ter referências bibliográficas, tabelas ou figuras.

– Palavras-chave: devem ser apresentadas três palavras-chave que identifiquem o trabalho, separadas por ponto e vírgula.

– Apoio financeiro: indicar apoio financeiro e/ou bolsas, se houver.

– Eixo temático: especificar em qual eixo temático o trabalho se insere (Temas gerais em prevenção e promoção da saúde; Participação comunitária; Ambientes sustentáveis; ou Justiça social)

– Redes sociais: indicar redes sociais de contato, se tiver interesse em ser contactado. Do próprio pesquisador e/ou do grupo de pesquisa (Twitter, Instagram, Facebook, Linkedin, Researchgate, página web). Esta informação será disponibilizada nos Anais do Congresso.